Palestra Qualidade de Vida: Uma decisão interior

>>>Palestra Qualidade de Vida: Uma decisão interior

Palestra Qualidade de Vida: Uma decisão interior

A Qualidados elaborou o Programa de Qualidade de Vida que tem como objetivo estimular os colaboradores a mudarem seu estilo de vida para melhor, adotarem hábitos mais saudáveis, valorizarem a promoção da saúde, a prática de atividade física, integração e autodesenvolvimento. Uma das ações previstas no programa foi criar um calendário de eventos a serem realizados ao longo do ano, visando atender os objetivos do programa.

Como parte do calendário de atividades, aconteceu no mês de Agosto a palestra “Qualidade de Vida: Uma decisão interior”, apresentada pelo Diretor Luiz Henrique. Na ocasião foram levadas questões de como melhorar a rotina e viver mais feliz em meio a um ambiente com pessoas cada vez mais focadas nos aparelhos tecnológicos e com o tempo mais escasso.

Atualmente muito se fala da promoção do bem-estar, de como conciliar vida e trabalho, de como podemos administrar melhor nosso tempo e equilibrar as várias atividades que realizamos no cotidiano. Qualidade de vida envolve: família, conhecimento, educação, sexo, alimentação, sono, trabalho, ansiedade, pressão, bom humor, satisfação, etc”.

Na palestra foram apresentados os excessos de ruídos, as luzes artificiais que nos mantêm acordados à noite, a falta de exercício, a poluição, os engarrafamentos, o excesso de informações e de preocupações no trabalho e nas relações sociais como exemplos de fontes de estresse no mundo moderno para os quais o corpo não se adaptou.

Dores de cabeça, dores no corpo, problemas digestivos e cansaço são alguns dos sintomas. Essa adversidade castiga um dos nossos principais órgãos, o cérebro.  Essa situação aciona uma resposta física que afeta diretamente nosso sistema nervoso e impede nossa capacidade de concentração, limita nossas relações sociais, afetando nossa habilidade de nos conectar com amigos e colegas,  enfraquecendo assim nossos relacionamentos. Ele ainda é responsável por gerar hábitos que provocam a obesidade e por provocar doenças como a cardiopatia, depressão e transtornos do sono, como por exemplo, a insônia. Produção do cortisol que causa uma reação química que mata diretamente os neurônios.

Segundo a Organização Mundial de Saúde, o estresse atinge 90% da população mundial. Só no Brasil, 70% da população sofrem com esse mal, sendo que 30% chegam a ter níveis elevados de estresse. Apesar da frequência, nem sempre os sintomas são facilmente percebidos.

A depressão é uma doença grave e só no Brasil afeta cerca de 36 milhões de pessoas. Estudos apontam que no mundo todo 25% das mulheres contra 15% dos homens poderão sofrer com o problema. Segundo a OMS trata- se da segunda maior causa de perda de qualidade de vida e, no ano de 2020, será tão comum quanto a dor nas costas.

Para ter uma vida equilibrada algumas dicas são fundamentais para garantir nossa qualidade de vida como:

  • Alimentar-se de forma mais balanceada e saudável
  • Praticar atividades físicas
  • Mudar a postura (pensamento positivo)
  • Passar mais tempo com a família e amigos
  • Destinar horas para o lazer
  • Rir mais
  • Praticar sexo
  • Dormir melhor
  • Respirar direito
  • Incentivar-se
  • Deixar o celular de lado
  • Aceitar-se
  • Criação de ligações de qualidade
  • Senso de autonomias de pensamento e ação
  • Capacidade de lidar com ambientes complexos com base na necessidade de valores
  • Ter propósitos e metas significativos na vida
  • Crescimento pessoal

A melhor maneira de evitar o estresse em qualquer ambiente é conhecendo a si próprio, aprendendo a reconhecer seus limites e a “ouvir” seu corpo. A partir disso, passará a entender melhor o que lhe estressa e o que fortalece.

2019-03-28T17:51:02+00:0020/09/16|

About the Author: