Tem presença feminina na área

>>>Tem presença feminina na área

Tem presença feminina na área

Uma das 13 mulheres a exercer função de liderança na Qualidados, a supervisora Taymara Morais conta como é se impor no mundo masculino da indústria.

Mesmo atuando num segmento onde a presença masculina é dominante, a Qualidados tem um contingente expressivo de mulheres: elas somam 127 de um total de 383 colaboradores – o que significa um percentual superior a 33%.  Mas o mais relevante é que a cada dia o grupo dá mais provas da sua capacidade de fazer a diferença nas mais diversas áreas, das tarefas administrativas às atividades de campo em áreas industriais, e até em posições de comando.

Supervisora de planejamento, a administradora e técnica em mecânica Taymara Morais, 31 anos, é uma das 13 mulheres que exercem funções de liderança na empresa. Além disso, praticamente toda a sua trajetória profissional foi vivida em indústrias, o que lhe dá uma boa experiência do que é trabalhar num universo preponderantemente masculino.

Para Taymara, no entanto, o maior desafio para a mulher não é se impor neste ambiente, mas ingressar nele. “Acho que alguns gestores ainda acreditam que as mulheres não podem estar totalmente comprometidas com a empresa e ser capazes de desempenhar as atividades que lhes demandam, seja porque são mais frágeis, porque exercem papeis como mães e donas de casa ou até mesmo por conta do período menstrual”, opina a supervisora, ao contar que nas entrevistas de emprego são comuns as perguntas sobre filhos e disponibilidade de horário.

Em indústrias de ramos como o petróleo, pode haver desafios também na hora de desempenhar algumas atividades de campo, que muitos ainda acreditam restritas aos homens. “As dificuldades que encontrei foram com relação ao pensamento e à cultura de algumas pessoas, que infelizmente ainda estão engessadas na visão de que o gênero influencia na realização de um bom trabalho”, conta Taymara. Isso sem falar, completa, na dificuldade de alguns homens em simplesmente reconhecer a qualidade de um serviço executado por uma mulher.

Ainda assim, a supervisora acredita que o cenário está em constante mudança e que tem crescido a presença feminina nas atividades industriais. Ela própria diz que nunca se intimidou com este tipo de desafio e que o segredo para conquistar seu espaço é simples: profissionalismo e respeito pelos colegas, sejam eles homens ou mulheres.

“Respeitando a todos e trabalhando com seriedade e comprometimento, a gente contribui para os resultados da empresa e para um ambiente de trabalho harmonioso, o que acarreta reconhecimento profissional”, conclui.

2019-05-27T17:53:50+00:0027/05/19|

About the Author: